Esta opção irá voltar ao original a home e restaurar todos os widgets e categorias fechados.

Reset

Depoimento da jovem Katherine Silva, diabética desde o 9 anos

Depoimento da jovem Katherine SilvaOi Claudio,tudo bem?
Meu nome e Katherine Silva e tenho 19 anos,sou de Minas Gerais e aqui está meu depoimento.
Sou diabética a 10 anos,descobri fazendo alguns exames de rotina quando eu tinha nove anos de idade e bam! veio a noticia: era diabética e precisaria fazer tratamento com medições e insulinas bem administradas.No começo foi nada fácil,eu era muito nova e não tinha noção do que tava acontecendo,a médica que cuidava de mim na época era rigorosa mais não no sentindo de querer me ajudar mais sim me estressar,eu vivia mal humorada,cansada e chorando de raiva de tudo e todos, tava com ódio da vida;até minha mãe adoeceu na época,foi complicado,pra piorar ainda mais a situação as pessoas tiveram preconceito comigo,eu era uma criança mais não era boba. A mãe de algumas amigas minhas ficavam falando que não poderia mais me chamar para festas nem sair com elas por que não daria e tal e com o tempo essas meninas se afastaram de mim,me senti um lixo,com isso passei a imaginar que se as pessoas soubessem que eu era diabética fariam o mesmo ou me ignorariam,então evitava ao máximo poder contar para as pessoas e me afastei de muita coisa.Digamos que passei grande parte de minha adolescência fugindo de contatos com as pessoas evitava ir a festas e sempre recusei convites para qualquer coisa que eu sabia que teria que envolver meus cuidados com insulina e alimentação.Algumas pessoas que perceberam como eu me alimentava acreditava que era porque eu fazia academia e queria manter o corpo ou seja estética.Até que um dia uma amiga da minha mãe(que era médica dela) apresentou ela a um endocrinologista muito bom que até hoje cuida de mim,costumo falar que ele foi um anjo de Deus na minha vida.Depois que passei a ir nele minha vida melhorou mil por cento,consegui controlar minha glicose coisa que não foi fácil, fico mais tranquila,não me estresso por bobagens,hoje já saio com minhas amigas(e a proposito minha melhor amiga também e diabética!) trabalho,formei recentemente em técnica em informática e sonho em fazer minha faculdade em ciência da computação e não quero parar por ai! tenho alguns planos nessa área mais não tenho pressa não ,quero viajar e conhecer alguns lugares do mundo e quem sabe num futuro distante ter uma família ne? rsrs Enfim diabetes veio na minha vida num momento improprio e revirou minha vida de cabeça pra baixo,mais hoje ela faz parte de minha vida e sinceramente levo tudo numa boa,tenho problemas como qualquer adolescente normal,as mesmas frustrações e decepções mais nenhuma causada pelo diabetes,tenho uma vida perfeita.
Espero que com esse depoimento possa ajudar algumas pessoas a enfrentar o diabetes não como um bicho de sete cabeças,mais como algo que pode transforma sua vida para o melhor.

Obrigado pela atenção.
Abraços
Att.

Bacana o depoimento da Katherine Silva, uma superação! Fico feliz em saber que você conseguiu superar as dificuldades de sua adolescência, infelizmente muitas pessoas ainda tem esse preconceito sem fundamento com as pessoas que tem diabetes, mas aos poucos iremos mudando isso.
Parabéns Katherine!

Abraço,
Cláudio Gouveia

Deixe o seu comentário!

Powered by Facebook Comments