Esta opção irá voltar ao original a home e restaurar todos os widgets e categorias fechados.

Reset

Libre: medidor de glicose sem furos no dedo

freestylelibreNo início do mês de maio deste ano, eu recebi um convite da Abbott para participar de um evento em São Paulo, cujo objetivo era o lançamento do FreeStyle® Libre, um sistema flash de monitoramento de glicose, onde seu grande diferencial é que não se faz necessário puncionar o dedo. Fiquei feliz por estar participando de algo neste sentido, o aparelho de fato é algo revolucionário para o Brasil, apesar, de que na Europa já existe esta tecnologia distribuída pela própria Abbott.

Enfim, fui para o evento no início de junho e ainda não tinha postado nada por aqui, porque estava testando o aparelho dentro do período máximo que eu tinha para poder passar minhas próprias impressões a respeito da tecnologia e o que isto me trouxe de melhoria ou não. Então vou fazer um resumo identificando as vantagens e desvantagens segundo minha experiência utilizando o aparelho durante 28 dias.

Novidades para diabéticos com avanço tecnológico

Primeiro de tudo, isto é um grande avanço tecnológico na área, temos hoje mais de 12 milhões de diabéticos no Brasil, já houve diversos avanços na área, como novos medicamentos, bombas de insulina e por aí vai… mas é a primeira vez que surge um medidor de glicose sem a necessidade de ficarmos furando o dedo todas as vezes que quisermos saber nossa glicemia, que em particular eu acho um incômodo, difícil achar quem não ache.

SENSOR VS TIRAS

Com o Libre, você não precisa de tiras para medir sua glicemia, mas o aparelho também pode medir sua glicose via procedimento tradicional com a velha tirinha, a Abbott até recomenda que você faça isso em 3 situações, sempre que você mede sua glicose com o aparelho, ele apresenta o valor de sua glicose juntamente com uma seta, indicando a tendência de sua glicose, então se tiver uma seta para cima, indica que ela está subindo rapidamente, se tiver uma seta para baixo indica que ela esta caindo rapidamente, nestes dois casos recomenda-se a utilização do teste de controle com fita e a terceira situação, que em particular é a que eu acho que deve ser seguida, é quando você mede sua glicemia, porém você está com uma sensação diferente do índice apresentado. No meu caso, nos 28 dias que utilizei o aparelho, eu devo ter feito testes de controle com fitas umas 3 vezes, e isso nos dois primeiros dias.

Na primeira vez que é colocado o aparelho, você precisa esperar 60 minutos para que ele calibre, após isso, você pode ficar verificando sua glicose o tempo inteiro, durante 14 dias. Cada sensor tem essa duração e você precisa escanear o sensor com o aparelho pelo menos a cada 8 horas, pois ele armazena as últimas 8 horas de informações, o sensor tem sua leitura atualizada de 1 em 1 minuto, ou seja, a cada minuto ele armazena informações da sua glicose no sensor e ao escanear com o aparelho, todas essas informações são transferidas para ele. O Libre possui um software para que você possa baixar todas essas informações e acompanhar diversos gráficos interessantíssimos para o acompanhamento do controle da diabetes.

Com as tiras, o cenário é totalmente diferente, sempre que você quiser medir sua glicose, terá que furar o dedo e verificar no aparelho, se quiser fazer isso 10 vezes, são 10 furos. Você não tem como acompanhar isso com um relatório completo de sua glicose, pois, você perde informações, afinal você não irá passar o dia todo furando o dedo para medir a glicose e ele não coleta informações passadas a partir da coleta do sangue, as tiras são boas para situações de emergência para se ter um grau de precisão maior.

Vou agora listar as vantagens e desvantagens do sensor.

VANTAGENS

  • Não precisa furar o dedo quando quiser medir a glicose no sangue.
  • Verificação ilimitada da glicose durante o tempo de utilização.
  • Excelente para viagens, eliminando a preocupação de economizar fitas, caso tenha poucas no estoque.
  • Possibilidade de verificar a glicose através do método tradicional, utilizando as fitas de controle.
  • Cabe em qualquer bolso, já que não é preciso andar com o tubo de fitas, lancetas e caneta agulha para furar o dedo.
  • Não depende de pilhas, é carregado através de cabo USB e nos 28 dias, precisei carregar apenas uma vez.
  • Registra todo o índice glicêmico em histórico diário no próprio aparelho.
  • Exibe a média de glicose baseado nos testes dos últimos 7 dias, 14 dias, 30 dias e 90 dias por horário, ajudando a identificar irregularidades em determinados horários.
  • Exibe um gráfico com padrões diários dos últimos 7, 14, 30 e 90 dias.
  • Exibe um gráfico mostrando a porcentagem em que o índice está acima, no alvo ou abaixo do intervalo do alvo glicêmico definido por você.
  • Exibe eventos de glicose baixa dos últimos 7, 14, 30 e 90 dias numa faixa de horário, assim você saberá os horários em que você está tendo hipoglicemias.
  • Alarmes pré-agendados para lembretes de verificação de glicose.
  • Ao medir, o sensor exibirá uma seta que indicará o comportamento da glicose em 5 fases: subindo rapidamente, subindo, modificando lentamente, caindo ou caindo rapidamente.
  • Possui um software onde é possível baixar gráficos para fazer o monitoramento de todo o seu índice glicêmico.

DESVANTAGENS

  • Cada sensor dura apenas 14 dias.
  • O touch screen poderia ser melhor.
  • O custo dos sensores ainda está inacessível para a atual situação financeira do brasileiro.

ONDE ENCONTRAR

Para comprar o aparelho e os sensores, você deve primeiro entrar numa lista de espera, entrando no site do FreeStyle® Libre e preenchendo um formulário com seus dados. A justificativa do pessoal da Abbott para se ter esta lista, é para que eles tenham um melhor controle de vendas e para garantir a prioridade para quem já adquiriu o leito. Então se você fizer sua primeira compra, você já terá prioridade para efetuar a próxima compra. No ato da compra, cada pessoa pode pedir até 4 sensores que seja vinculado a um CPF.

Na Europa o Libre está disponível desde outubro de 2014. No Brasil o aparelho foi aprovado pela ANVISA e pela ANATEL, por conta da tecnologia de comunicação NFC que é utilizada no aparelho para capturar dados do sensor.

É isso gente, demorei a postar a respeito do aparelho, vocês provavelmente devem ter visto em outros lugares opiniões a respeito do mesmo e isso é legal, leiam tudo que encontrarem a respeito do Libre para adquiriram confiança o suficiente para utilizar. Eu particularmente gostei muito, não posso dizer que em 28 dias me ajudou a melhorar meus índices de forma geral, mas de certa forma ajudou, pois sempre que eu verificava relatórios eu procurava saber os horários em que estava acima da média ou abaixo e tentava mudar determinadas rotinas que poderiam estar influenciando nestes resultados, além de todo o monitoramento que você tem durante o dia inteiro. Depois eu volto aqui pra falar mais sobre o aparelho em si, como aplicar, e os cuidados que devemos ter.

Deixe o seu comentário!

Powered by Facebook Comments